26 de setembro de 2012

Após dez anos do lançamento do Fome Zero pouco mudou em Itinga diz jornal

É desalentador o retrato de Itinga mostrado pelo jornal hoje em dia. Considerado o município mais pobre de Minas, ele foi escolhido pelo presidente Lula como símbolo do programa Fome Zero

Em janeiro de 2003, o presidente, acompanhado de vários ministros e do governador Aécio Neves, esteve na cidade para lançamento do programa e prometeu muito aos moradores. Passados quase 10 anos, pouco mudou ali.

De fato, houve mudança do nome do programa, para Bolsa-Família, cujos recursos estão sendo mal empregados em Itinga, que tem como prefeito um petista. Aécio Neves, que ouviu do presidente Lula a promessa de que trabalhariam juntos para melhorar as condições de vida das populações pobres, incluiu Itinga no Programa Vida no Vale, para levar água e esgoto aos moradores.

Em abril de 2010, depois que a Fundação João Pinheiro divulgou que Itinga continuava sendo a pior cidade mineira para se viver, o prefeito disse que em breve 100% das residências teriam água e esgoto e que nos últimos anos tinham sido construídas cinco escolas-núcleo e inaugurado um conjunto habitacional com 57 casas. Porém, o único hospital da cidade, que Lula prometera reformar, continuava fechado.

Em 2011, a Controladoria Geral da União fiscalizou Itinga e mais 13 municípios mineiros e em todos encontrou irregularidade na aplicação de recursos federais. 


Para Itinga, três ministérios destinaram R$ 6,9 milhões, inclusive para a merenda escolar dos 1,8 mil estudantes. Pois a prefeitura gastou em dois anos, sem licitação, R$ 3,7 milhões para a merenda, que consiste apenas de sopa de macarrão com água ou arroz, preparada sem qualquer higiene.
Fonte: Com informações do Hoje em Dia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Noticias atualizadas em sua pagina na web

Radio de Virgem da Lapa na internet

Ouça a radio Morada Fm acessando o site Morada fm ao vivo