10 de abril de 2012

Diamantina: alunos dão exemplo de participação política



Aluno do 2° ano do ensino médio, Victor Santos foi um dos estudantes que obteve seu título eleitoral no encontro do Expresso Cidadania realizado na manhã desta segunda-feira (9/4/12) em Diamantina pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Aos 16 anos de idade, Victor já confere os repasses financeiros a seu município, no endereço da Transparência Brasil, na internet; examina os partidos políticos para escolher aquele a que se filiará e planeja uma candidatura a vereador, para quando tiver 20 anos de idade.
Não se trata do herdeiro de alguma família com tradição política. Victor simplesmente acha que é preciso participar da vida pública em seu município. “Diamantina tem um potencial muito grande para crescer. No portal da Transparência a gente vê que ela recebe muito dinheiro, mas acho que é mal administrado. Tem muita coisa pra se fazer e ninguém toma a frente”, afirmou o estudante, logo após obter seu título.
Incentivar a participação política são as prioridades do Expresso Cidadania
Incentivar essa participação política e facilitar a emissão dos títulos eleitorais para jovens de 16 e 17 anos são as prioridades do Expresso Cidadania, projeto que resultou de uma parceria da ALMG com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MG) e a Secretaria de Estado de Educação. Iniciado em 2008, está em sua terceira edição. Sétima cidade visitada pelo projeto, Diamantina reuniu, na manhã desta segunda (9), 405 alunos das escolas estaduais Professor Gabriel Mandacaru e Professora Ayna Tôrres.
Victor Santos estuda na Ayna Tôrres, assim como Daianny dos Reis Martins, que também tem 16 anos e tirou seu título eleitoral. “Acho bacana votar. Muitos adolescentes têm uma ideia revoltada, de que não têm como fazer nada. Acho que a política melhorou, sim. O Brasil teve um crescimento muito grande nos últimos anos”, afirmou Daianny.
Juscelino – A reunião contou com a participação do presidente da ALMG, deputado Dinis Pinheiro (PSDB), que lembrou em sua fala outro cidadão de Diamantina que deu exemplo de participação política: o ex-presidente Juscelino Kubitschek. “Daqui saiu o maior estadista deste País, um homem que trouxe desenvolvimento, otimismo, alegria. Cada um de nós deve caminhar inspirado nesse exemplo belíssimo”, afirmou o presidente. A realização do Expresso Cidadania, para Dinis Pinheiro, é uma forma de a Assembleia cumprir sua obrigação de se comunicar com a população e, especialmente, com a juventude.
Juiz eleitoral de Diamantina adverte 
O juiz eleitoral de Diamantina, Neanderson Martins Ramos, também falou aos estudantes e os aconselhou a procurar o cartório eleitoral até 9 de maio, data limite para a emissão do título eleitoral. “Não deixem para os últimos dias, pois a fila é grande”, advertiu. Também compareceram ao encontro inaugural em Diamantina os deputados Doutor Viana (DEM), Célio Moreira e Luiz Henrique (ambos do PSDB).
O que mais entusiasmou os adolescentes, no entanto, foi a “arena da cidadania”, apresentação da Companhia Malarrumada de Teatro, que reescreve sucessos musicais para simular um embate entre adolescentes que defendem e rejeitam o engajamento político. Após o espetáculo, os estudantes são divididos em grupos e participam de oficinas de produção de textos, de imagens e de som, e também de expressão corporal. Nesse momento, eles podem também tirar o título de eleitor.
Outra atividade desenvolvida é o Caleidoscópio, em que os estudantes recebem informações sobre o tema Drogas - Políticas de Enfrentamento ao Crack. Um debate é então promovido e, logo em seguida, é realizada uma votação em urna eletrônica. A atividade busca incentivar o uso da urna eletrônica e a reflexão dos jovens sobre a participação na política e o voto consciente.
Em Diamantina, os eventos acontecem no Dávila Hall Salão de Festas (Avenida João Antunes de Oliveira, 889, Bairro Cazuza). Novos encontros estão previstos para esta segunda (9) à noite, também com alunos da Escola Ayna Tôrres; e na terça-feira (10) pela manhã, com estudantes do Colégio Tiradentes e da Escola Estadual Professora Gabriela Neves.
Histórico do projeto – A primeira edição do Expresso Cidadania foi em 2008 e teve a participação de 19 mil estudantes nas atividades promovidas nas 72 escolas dos 17 municípios visitados. Mais de 4,5 mil títulos de eleitor foram emitidos pelo TRE. Na segunda edição, que ocorreu em 2010, a caravana visitou 73 escolas de 15 municípios mineiros. Cerca de 13 mil estudantes participaram das atividades e mais de 4 mil títulos foram emitidos.
Dando continuidade aos trabalhos, a caravana visitará ao todo, nos meses de março e abril, dez municípios do interior. A edição atual da caravana teve início em 2011, quando foram atendidos alunos dos municípios da Região Metropolitana de Belo Horizonte. O Expresso já esteve em Juiz de Fora (Zona da Mata), Divinópolis (Centro-Oeste), Patos de Minas (Alto Paranaíba), Uberaba (Triângulo) e Paracatu (Noroeste). Após a visita em Diamantina, o Expresso segue para Montes Claros (Norte), Teófilo Otoni (Vale do Mucuri), Ipatinga (Vale do Aço) e Poços de Caldas (Sul).
Fonte: Com informações da assessoria de comunicação da ALMG



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Noticias atualizadas em sua pagina na web

Radio de Virgem da Lapa na internet

Ouça a radio Morada Fm acessando o site Morada fm ao vivo