28 de abril de 2012

Encontro da ALMG em Jequitinhonha: deputados querem mudanças no pagamento da dívida de MG pagamento

Encontro Regional para Discutir a Renegociação da Dívida Pública do Estado com a União, foi realizado nesta quarta-feira (25/4/12) em Jequitinhonha (Jequitinhonha). O evento contou com a participação de deputados estaduais, que reivindicaram mudanças nas condições do pagamento da dívida de Minas


Créditos da foto é da ALMG















Elevar em 6,25 vezes o recurso da assistência social; construir 12.500 postos de saúde; asfaltar 1.250 quilômetros de estradas; ou construir 625 escolas estaduais. O valor para realizar essas ações, no prazo de um ano, seria de R$ 1,25 bilhão, recurso que sobraria nos cofres do Governo Estadual, caso houvesse a renegociação da dívida de Minas Gerais com a União.

Esses foram alguns dos pontos apresentados pelo consultor da Assembleia Legislativa de Minas Gerais Daniel Sotomayor durante o Encontro Regional para Discutir a Renegociação da Dívida Pública do Estado com a União, realizado nesta quarta-feira (25/4/12) em Jequitinhonha (Jequitinhonha). O evento contou com a participação de deputados estaduais, que reivindicaram mudanças nas condições do pagamento da dívida de Minas.
Para haver a sobra de recursos no valor de mais de R$ 1 bilhão, seria preciso reduzir a taxa de comprometimento da Receita Líquida Real para o pagamento da dívida de Minas de 13 para 9%, uma das propostas defendidas por parlamentares e governadores de todo o País nas discussões sobre a renegociação. 

No debate em Jequitinhonha, promovido pela ALMG, em parceria com a Federação das Indústrias do Estado (Fiemg) e com a Associação Mineira de Municípios (AMM), o presidente da Assembleia, deputado Dinis Pinheiro (PSDB), defendeu, também, a troca do atual indexador da dívida, o Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI), além da redução da taxa de juros.

De acordo com Dinis Pinheiro, o débito está “sangrando” as finanças públicas do Estado e inviabilizando investimentos que poderiam estar melhorando a vida das pessoas. Para ele, os Estados estão financiando a União. “Minas Gerais pagou quase R$ 4 bilhões em juros e correção monetária no ano  passado. Desde o início da dívida, foram cerca de R$ 20 bilhões direcionados à União”, alertou. Segundo o deputado, é fundamental que o Governo Federal faça a repactuação “o mais rápido possível”.

Créditos da foto é da ALMG
Roberto Alcântara Botelho (prefeito de Jequitinhonha), Dinis Pinheiro (presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais - PSDB/MG), Gustavo Corrêa (deputado estadual DEM/MG), Adail Martins (defensor público em Almenara)
















Dívida impagável – O prefeito de Jequitinhonha e diretor-regional da AMM, Roberto Botelho, destacou a importância de se discutir o assunto também com os municípios. “Nossas receitas estão cada vez menores e nossos comprometimentos com gastos públicos estão sempre maiores”, disse. Para Botelho, a dívida atual é “impagável”. “Quanto mais se paga, mais se deve”, afirmou.

O presidente da Câmara Municipal de Jequitinhonha, vereador Francisco de Assis Saraiva, acredita que seja necessário haver a união entre os entes federados em torno do assunto. “Precisamos buscar forças para melhorar a distribuição da renda arrecadada pelo Governo Federal”, disse. Já o deputado Gustavo Corrêa (DEM) lembrou que o debate sobre a renegociação da dívida “é uma bandeira sem partido político”. Ele compartilhou, ainda, da visão das autoridades políticas presentes ao evento, dizendo que recursos públicos estão centrados nas mãos da União, sobrando pouco para os governos estadual e municipais.

Palestra – Durante o encontro, o consultor da ALMG Daniel Sotomayor realizou uma palestra sobre o tema “A Renegociação da Dívida Pública dos Estados com a União”. Ele explicou a origem do débito, contraído nos termos da Lei Federal 9.496, de 1997, que permitiu à União comprar os títulos públicos que governos estaduais haviam lançado no mercado financeiro. Até então, esses títulos vinham sendo negociados em condições desfavoráveis para os entes federados.
De acordo com as negociações, a correção da dívida dos Estados seria pelo IGP-DI, somada a 9% de juros ao ano. No entanto, os Estados que liquidassem 10% da dívida teriam essa taxa reduzida para 7,5% ao ano (foi o caso de Minas), e se liquidassem 20%, a taxa cairia para 6% (como ocorreu com a maioria dos Estados brasileiros).
Com a renegociação, Minas Gerais assumiu uma dívida de R$ 14,8 bilhões. Em 2011, o valor alcançou R$ 58,6 bilhões. Desde a assinatura do contrato, em 1998, houve, portanto, um crescimento de 294,8%. Mantidas as regras atuais de juros e correção, em 2028, prazo final do contrato, o saldo devedor de Minas será de R$ 243,3 bilhões, uma elevação de 1.544%.

Debates regionais – Jequitinhonha foi a quinta cidade a receber o Encontro Regional para Discutir a Renegociação da Dívida Pública do Estado com a União. Antes do município, a reunião sobre o assunto esteve em Governador Valadares (Rio Doce), Uberlândia (Triângulo), Varginha (Sul) e Uberaba (Triângulo). Os próximos debates serão em Ipatinga (Rio Doce), em 16/5; Patos de Minas (Alto Paranaíba), em 18/5; Divinópolis (Centro-Oeste), em 21/5; Juiz de Fora (Zona da Mata), em 22/5; Montes Claros (Norte), em 24/5.
Fonte: Com informações da Assessoria da ALMG

Cultura: XV Cantoria Popular 2012 de Virgem da Lapa

XV Cantoria Popular de Virgem da Lapa a cultura do Vale em pauta

Acontece de 07 a 13 maio em Virgem da Lapa no médio Jequitinhonha a XV cantoria popular. Os eventos acontecerão na praça da matriz. Durante o evento haverá oficinas de dança de salão, percussão de tambores, medicina complementar ou alternativa, canto/técnica vocal, arte circense.

No dia 10 de maio no Auditório Júlio Gamboa haverá exposições de artes plásticas, fotografias e objetos. No dia 12 a exposição continua, haverá também Feira de economia solidária e feira de artesanatos.

A partir do dia 11 de maio à noite o público vai curtir shows musicais com cantores como Basti Matos, Saldanha Rolim e Banda, Coral Bentivi, Pereira da Viola entre outros.


Confira a programação completa


Segunda  Feira dia 07/05/2012
9:00 hrs – Inicio das Oficinas
  • Dança de Salão para melhor Idade
  • Dança de Salão para Jovens
  • Percussão para grupo de tambores.
  • Medicina Complementar ou medicina Alternativa
  • Canto/ Técnica Vocal -  Corais e outros –
  • Brincadeiras para crianças de 6 a 12 anos- Arte Circense
12:00 horas – Almoço
14:00 horas – Retorno para Oficinas
18:00 Horas – Jantar
20:00 a 23 :00 horas – Roda de Violas na Praça da Matriz ( Artistas, grupos Locais   e convidados ) Grupo de Karatê, Grupo de Capoeira, Dança Afro, Tamborzeiros do Rosário, Grupo de Dança de Rua etc.

Terça  Feira dia 08/05/2012 
8:00 horas- Continuidade das Oficinas
  • Dança de Salão para melhor Idade
  •  Dança de Salão par Jovens
  • Percussão para grupo de tambores
  • Medicina Complementar ou medicina Alternativa - aberta
  • Canto/ Técnica Vocal -  Corais e outros
  • Brincadeiras para crianças de 6 a 12 anos – Arte Circense
12:00 horas – Almoço
14:00 horas – Retorno para Oficinas
18:00 Horas – Jantar
20:00 a 23:00 horas – Roda de Violas na Praça da Matriz ( Artistas, grupos  Locais   e convidados ) Grupo de Karatê, Grupo de Capoeira, dança Afro, Tambozeiros do Rosário, Grupo de Dança de Rua etc.

Quarta Feira dia 09/05/2012
8:00 horas- Continuidade das Oficinas
  •  Dança de Salão para melhor Idade
  •  Dança de Salão par Jovens
  • Percussão para grupo de tambores
  • Medicina Complementar ou medicina alternativa- Aberta
  • Canto/ Técnica Vocal -  Corais e outros
  • Brincadeiras para crianças de 6 a 12 anos- arte circense
12:00 horas – Almoço
14:00 horas – Retorno para Oficinas
18:00 horas – Jantar
20:00 horas – Roda de Violas na Praça da Matriz ( Artistas, grupos Locais   e convidados ) Grupo de Karatê, Grupo de Capoeira, dança Afro, Tamborzeiros do Rosário, Grupo de Dança de Rua etc.

Quinta Feira dia 10/05/2012 
8:00 horas- Continuidade das Oficinas
12:00 horas – Almoço
14:00 horas – Retorno para Oficinas
18:00 horas – Jantar
19:30 horas - Abertura das Exposições:  Artes plásticas, fotografias e objetos –  Salão Júlio Gamboa  - Coquetel seguido de Recital Poético e contos de histórias.
21:00 a 23:00 horas - Roda de Violas na Praça da matriz ( Artistas, grupos  Locais  e convidados ) Grupo de Karatê, Grupo de Capoeira, dança Afro, Tamborzeiros do Rosário, Grupo de Dança de Rua etc.

Sexta Feira dia 11/05/2012 
8:00 horas continuidade das Oficinas
9:00 horas - Continuidade das exposições de artes plásticas, fotografias e objetos – Salão Julio Gamboa
9:30 horas – Abertura da Feira de Economia Solidária e Feira Artesanatos  (SETE )   (FECAJE  )
12:00 horas – Almoço
14:00 horas – Retorno para Oficinas

14:00 horas – Passagem de Som no Palco
18:00 horas – Jantar
18:30   horas – Palestra sobre  CULTURA POPULAR E EDUCAÇÃO  na escola. (LOCAL _  Sede do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Virgem da Lapa )
19:30 horas – Apresentação de Grupos Folclóricos  - Locais
21:00 horas – Show Musical com Basti de Matos
22:00 horas – Show Musicai – Saldanha Rolim e Banda
00:00 horas -  Show Musical Forró a Confirmar

Sábado  12/05/2012 
8:00 horas continuidade das Oficinas
8:30 hora - Continuidade das exposições de artes plásticas, fotografias e objetos – Salão Júlio Gamboa
9:00 horas – Continuidade  da Feira de Economia Solidária e Feira Artesanatos  (SETE ) ( FECAJE )
12:00 horas – Almoço
14:00 horas – Retorno com encerramento das oficinas
14:00 horas – Passagem de Som no Palco
18:00 horas – Jantar
19:00 horas – Apresentação de Grupos Folclóricos diversos saindo do Alto São Vicente, Bairro Bela Vista, Bairro Novo Horizonte e Ponte até a praça da Cantoria -
19:30 – leilão beneficente da Irmandade do Rosário ( APRISCO)
20:30 horas – Apresentação da oficina de Percussão e Técnica Vocal.
21:00 horas – Apresentação do Coral Bentivi
22:00 horas – Show Musicai Com Zé Miguel do Amapá e Banda
00:00 horas – Show Musical com Pereira da Viola e Banda

Domingo dia 13/05/2012 
8:00 horas – Continuidade  da Feira de Economia Solidária e Feira Artesanatos  (SETE )( FECAJE)
9:00 horas – Continuidade das exposições de Artes, Fotos e
Objetos -  Salão Júlio Gamboa
9:30 horas – Apresentação de grupos diversos / Folclóricos, Capoeira, Dança, Karatê etc.  ( c
12:00 horas – Almoço
14:00 horas – Passagem de Som no Palco
18:00 horas – Jantar
20:00 horas – Homenagem às mães
21:00  horas – Show Musical com Lucinho Cruz  e Banda
22: 30 horas – Show Musical com Lima Junior

Serviço
Inscrições para oficinas na Secretaria Municipal de Cultura
Prédio da Prefeitura com Itamar ou Gilmara
Contato: (33) 88042969 - Itamar
(33) 3736-1100 (prefeitura)

Fonte: Com informações da Pref. de Virgem da Lapa




26 de abril de 2012

SAMU Nordeste e Jequitinhonha: investimentos dão resultados

Mais de um milhão de pessoas em 86 municípios são beneficiadas pelo Complexo Regulador
A primeira quinzena de funcionamento da Central de Regularização do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) das macrorregiões Nordeste e Jequitinhonha, que opera em Teófilo Otoni, registrou 1240 chamadas pelo número 192. Uma análise das ligações revelou que 800 chamadas foram de real necessidade de envio de unidades móveis aos locais indicados pelos usuários para prestar atendimento.


Investimento de 4 milhões de reais
O Complexo Regulador da região é fruto de um investimento do Governo de Minas de 4 milhões de reais e visa infraestrutura entre obras e equipamentos. A unidade atende a toda macrorregião, totalizando 86 municípios e cerca de 1,2 milhão de pessoas. No total são 26 ambulâncias à disposição da população, que foram doadas pelo Ministério de Saúde. O serviço funciona 24 horas, todos os dias da semana.
Segundo o coordenador Estadual de Urgência e Emergência da Secretaria de Estado de Saúde (SES), Rasível dos Reis Santos Júnior, a inauguração da Central de Regulação Assistencial do Samu é fundamental para facilitar o acesso qualificado da população aos atendimentos de urgência e emergência. “O principal objetivo é a redução das mortes e sequelas evitáveis. O novo modelo de governança vai atuar através do Comitê Gestor Macrorregional, Central de Regulação Única e a CIB Macrorregional”, declarou.
Ainda de acordo com Rasível, foi construída uma estrutura que soma os esforços dos prefeitos da região. “Os municípios se congregaram numa nova estrutura pública para fazer funcionar uma central com ganho em escala, inovações em gestão e tecnológicas, mas, acima de tudo, uma nova página da saúde pública de toda a região”, afirmou.
Por meio da Secretaria de Estado de Saúde, o Governo de Minas possibilita a construção de redes macrorregionais de atenção às urgências e emergências. Neste contexto, o Samu 192 atua como ponto de atenção dessa rede e o Complexo Regulador atua como centro de comunicação da Rede de Atenção à Saúde, com a função de coordenação dos seus fluxos e contrafluxos.
Desenvolvimento
Para a coordenadora do SAMU 192 da macro Nordeste e secretária executiva do Consórcio Intermunicipal de Saúde da Rede de Urgência do Nordeste/Jequitinhonha (Cisnorje), Elaine Souza Guedes, a implantação da Rede de Urgência e Emergência nas macros Nordeste/Jequitinhonha, é de fundamental importância no desenvolvimento da atenção em saúde da população de 86 municípios que compõem estas macros. “O SAMU é um dos componentes desta rede, favorecendo qualidade no atendimento pré-hospitalar de urgência, visando minimizar o agravo e aumentar a possibilidade de sucesso no cuidado da saúde do usuário”, explica.
Para atender toda população, 22 cidades, estrategicamente distribuídas, funcionam como pontos de apoio da rede, considerando a localização geográfica em relação as outras cidades. “A rede é composta por 26 unidades móveis, sendo 05 unidades avançadas, com UTI móvel e 21 unidades básicas, com profissionais qualificados e capacitados no atendimento pré-hospitalar. Desta forma, acreditamos que é possível dar uma boa resposta ao usuário e salvar muitas vidas”, finalizou.
Fonte: Com informações da Agência Minas

Araçuai-Francisco Badaró: ponte ficará interditada até julho

As  obras de  duplicação da ponte sobre o Córrego Calhauzinho, na rodovia que liga Araçuai-Francisco Badaró no médio Jequitinhonha só deverão ser concluídas em julho, período em que a ponte ficará interditada

Todo o trânsito foi desviado.

Quem quer chegar a Araçuai ou sair para as localidades de Novo Cruzeiro, Francisco Badaró e Jenipapo de Minas deverá pegar o desvio pelo bairro Corredor, sentido centro da cidade.

A Construtora responsável pela obra colocou faixas no trevo de chegada da cidade, indicando o desvio.

Desde março a empresa Minas Empreendimentos faz o alargamento da ponte construída na década de 40.

 Toda a estrutura do piso e muretas foram arrancadas.  Trinta e um operários trabalham na obra.

“Esperamos que até julho esteja tudo pronto”, acredita Edivaldo Leite, laboratorista e fiscal da obra.

No trecho Araçuai-Francisco Badaró foram construídas mais duas pontes: a de Setúbal e Gravatá, esta última em fase final de conclusão.

A s duas outras pontes faltantes são as que ligam Francisco Badaró e Berilo que estão entrando em fase de licitação, de acordo com
informações do engenheiro chefe do DER em Araçuai, Marco Antonio de Lima.
Fonte: Com informações do Gazeta de Araçuaí

Padre Paraíso: homem que matou 3 na cidade é condenado a 24 anos de prisão


Acusação não decidiu se recorrerá da sentença que condenou jovem que matou 3 em Padre Paraíso




















Rodrigo Ribeiro Duarte, 23 anos, ex-auxiliar administrativo da prefeitura de Padre Paraiso (MG) foi condenado a 24 anos de prisão durante julgamento  realizado no  salão do Júri do Fórum de Araçuai.(MG), Vale do Jequitinhonha.

A acusação  analisa a possibilidade de recorrer da decisão.

O julgamento teve início às 9 da manhã e só terminou por volta das 2 horas da  madrugada de 21/04.

Na madrugada de 9 de novembro de 2009,  Rodrigo matou a tiros Gilliane Vieira de Oliveira, 19 anos que espera um filho seu,  e o patrão dela,André Dantas Tavares Jardim, 37, dono de uma pizzaria.

O crime foi motivado porque Rodrigo,que tinha uma outra namorada, não aceitou a gravidez de Gilliane e usou André para atrai-la até o local do crime, o parque de Vaquejadas  da cidade.

Os corpos  que estavam dentro do carro do dono da pizzaria, foram encontrados por populares quando o dia amanheceu.

Os crimes chocaram a pequena cidade do Vale do Jequitinhonha e Rodrigo foi considerado o principal suspeito, já que as vítimas eram queridas por todos e não tinham inimigos. Nada foi  roubado.

Rodrigo prestava serviços na Delegacia de Polícia Civil do lugar. Gostava de se mostrar armado e  passava-se por  detetive.

Durante toda a instrução do processo e perante o juiz, ele negou a autoria dos crimes porém, as provas foram suficientes para condená-lo a 24 anos de prisão que serão cumpridos no  presídio de Igarapé, na região de São Joaquim de Bicas (MG), onde ele já estava preso desde 2009.

Decepção
Os familiares das vítimas estão decepcionados com a sentença.

Para eles, a pena foi branda para os três crimes, já que Giliane estava grávida há mais de três meses.

“Estou analisando com calma a decisão. Estamos dentro do prazo para recorrer”, disse o promotor público Randal Bianchini que atuou como acusação no caso.

“Foi um crime continuado e por isso os três assassinatos foram julgados como um.  Se a pena foi branda, a culpa não é do Juiz e sim do legislador”, explicou o promotor.

O advogado de defesa do ex-auxiliar administrativo foi o procurador do Estado aposentado, Antonio Patente.

Familiares, amigos, advogados e jornalistas acompanharam o julgamento.
Fonte: Com informações do Gazeta de Araçuaí

23 de abril de 2012

Reunião em Jequitinhonha discute a dívida de MG com a União






















A reunião em Jequitinhonha será no Rotary Clube

O Encontro Regional para Discussão da Dívida Pública do Estado com a União chega à cidade de Jequitinhonha (Jequitinhonha) nesta quarta-feira (25/4/12). O município mineiro será o quinto a sediar uma reunião para debater o assunto. Entre os participantes do evento, estará o presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, deputado Dinis Pinheiro (PSDB). O encontro é promovido pela ALMG, em parceria com a Federação das Indústrias do Estado (Fiemg) e com a Associação Mineira de Municípios (AMM).
A reunião em Jequitinhonha será no Rotary Clube (Rua Coronel Ramiro Pereira, nº 252, Centro). O credenciamento para os participantes se inicia às 9 horas. Participarão da abertura oficial, às 9h30, o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Antônio Carlos Andrada; um representante da Secretaria de Estado de Fazenda; a defensora pública-geral de Minas, Andréa Abritta Garzon Tonet; o presidente da AMM, Ângelo José Roncalli de Freitas; além do presidente da Assembleia de Minas. Às 10 horas, haverá uma palestra com o tema “A Renegociação da Dívida Pública do Estado com a União”. Logo após, haverá a participação do público, às 10h30. O encerramento está marcado para às 11h30.
As cidades de Governador Valadares (Rio Doce), Uberlândia (Triângulo) e Varginha (Sul) já receberam o evento em abril. Os próximos encontros irão ocorrer nos municípios de Uberaba (Triângulo), em 24/4; Ipatinga (Rio Doce), em 16/5; Patos de Minas (Alto Paranaíba), em 18/5; Divinópolis (Centro-Oeste), em 21/5; Juiz de Fora (Zona da Mata), em 22/5; Montes Claros (Norte), em 24/5. Em todas as localidades está prevista a presença do presidente da ALMG.
Dívida de Minas Gerais com o Governo Federal é uma das maiores do País
Em 2011, a dívida do Estado chegou a R$ 58,6 bilhões, sendo uma das maiores do País. Desde a assinatura do contrato, em 1998, houve um crescimento de 294,8%. Mantidas as regras atuais de juros e correção, em 2028, prazo final do contrato, o saldo devedor de Minas Gerais será de R$ 243,3 bilhões, uma elevação de 1.544%.
Recursos gastos mensalmente pelo Governo do Estado com o pagamento de sua dívida com a União (R$ 312 milhões em março) seriam suficientes para dobrar os gastos mensais de Minas com o custeio e pagamento de todo o pessoal da área de saúde, ou mesmo dobrar os investimentos em obras e outros benefícios para a população. Em 2011, foram destinados R$ 3,7 bilhões para a saúde, enquanto a dívida com a União consumiu R$ 3,3 bilhões.
Contrato – A dívida dos Estados com o Governo Federal foi contraída nos termos da Lei Federal 9.496, de 1997, que permitiu à União comprar os títulos públicos que os governos estaduais haviam lançado no mercado financeiro. Até então, esses títulos vinham sendo negociados em condições desfavoráveis para os Estados. Com a renegociação, Minas Gerais assumiu uma dívida de R$ 14,8 bilhões. De acordo com as negociações, a correção da dívida dos Estados seria pelo Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna (IGP-DI), somado a 9% de juros ao ano. No entanto, os Estados que liquidassem 10% da dívida teriam essa taxa reduzida para 7,5% ao ano (foi o caso de Minas), e se liquidassem 20%, a taxa cairia para 6% (como ocorreu com a maioria dos Estados brasileiros).
Fonte: Com informações da Assessoria da ALMG

22 de abril de 2012

Policia: traficantes são presos em Jequitinhonha


Policia Civil prende grupo em Jequitinhonha que estava com drogas e arma

Na sexta-feira  20/04 , após informações levantadas pelo investigador de polícia João Vicente de que duas mulheres estariam se deslocando para a cidade de Almenara para buscar drogas, que seriam repassadas a um traficante da cidade de Jequitinhonha, vulgarmente conhecido como “Babinha”, uma equipe formada pela inspetora Edléia Tinum e pelos investigadores Josefino André, Cléo Mário e Odmilson de Souza Ribeiro monitoraram as duas mulheres (M. A. P. e M. A. R.), seguindo-as até o trevo de Almenara(MG) no Vale do Jequitinhonha.

Nas proximidades do local eles ficaram à espera delas.

Ao avistarem as mulheres   pegando carona para retornar a Jequitinhonha, os detetives  as seguiram e abordaram o veículo onde estavam na entrada de Jequitinhonha.

No local havia outra equipe da Polícia Civil de prontidão.

Durante a reveista a PC encontrou na bolsa de M. A. P. aproximadamente 55 gramas de cocaína.

Dando continuidade às diligências, a equipe foi até a residência de “Babinha”, onde apreenderam a quantia de R$ 350 em dinheiro, três celulares e um revólver calibre 32 municiado com seis cartuchos.

Os três indivíduos foram encaminhados até a delegacia, onde prestaram depoimento para o delegado Marcio Cavalcante Bijalon.

“Babinha” confessou ter enviado M. A. P. até a cidade de Almenara para buscar a droga e que esta seria para seu consumo.

M. A. P. foi presa por tráfico de drogas juntamente com “Babinha”, que foi autuado ainda por posse ilegal de arma de fogo. Já a terceira envolvida, M.A.R. foi liberada.
Fonte: Com informações do Diário de Teófilo Otoni, via Gazeta de Araçuaí

19 de abril de 2012

Itaobim: acontece nesse fim de semana o Itaofolia

Acontece em Itaobim no médio Jequitinhonha, nos dias 20 21 de abril, neste final de semana, acontecerá o ITAOFOLIA 2012 com grandes atrações como Guig Guetto, Sem Limite e Altobely e Robson. O evento vai ser no palco de eventos.


O abada do evento custa R$50,00 e pode ser parcelado com o cartão de crédito.

Maiores informações: (33) 9921-5591
Fonte: Com informações do Folha dos Vales  

BR 367: movimento se articula pela pavimentação da rodovia

Um grupo de moradores das cidades de Berilo, Chapada do Norte, Minas Novas e Virgem da Lapa articula uma reunião para organizar o movimento popular pela pavimentação da BR 367 que corta as 4 cidades, no Médio Jequitinhonha. Este é um dos trechos sem asfalto.


O outro trecho é de Almenara-Jacinto-Salto da Divisa, no Baixo Jequitinhonha, nordeste de Minas, na divisa com a Bahia.


A reunião está marcada para sábado, 21 de abril, Dia da Inconfidência Mineira, às 9 horas, no Sindicato dos Trabalhadores Rurais, na cidade de Chapada do Norte.

O objetivo é debater a situação da rodovia federal que mais parece estrada de fazenda; sua manutenção pela EFERCO, empresa contratada pelo DER; o Edital publicado pelo DNIT para elaboração do projeto de pavimentação; levantar todo o histórico de projetos e recursos liberados para a obra de pavimentação que foram para o ralo; coleta de assinaturas no abaixo-assinado; e definir ações concretas a serem feitas junto à população, aos governos municipais, estadual e federal, e dos representantes políticos de todas as instâncias.

Contatos:
Berilo - Álbano Silveira Machado, Banu,  pelo fone (33) 8877-5943;
Chapada do Norte - Gui de Sousa, pelo fone(33) 8829-9651;
Minas Novas - Bernardo Vieira, pelo fone (33) 9119-7110.
Contamos com a sua presença para organizar a luta para a realização efetiva do projeto de asfaltamento da BR 367.
Fonte: Com informações do Blog do Banu 

16 de abril de 2012

Jacinto: filho a caminho do velório do pai morre em acidente

População se mobiliza para protestar contra falta de sinalização em ponte



Foto: Allan Guedes
No último domingo (15-04-12), um acidente envolvendo um veículo deixou uma pessoa morta e quatro feridas no km 165 da BR-367, na cidade de Jacinto, na região do Baixo Jequitinhonha.
De acordo com a Polícia Militar, José Ronílson Rodrigues Pinheiro, 29 anos, ia em direção ao velório de seu pai e acabou caindo da ponte que liga Jacinto a Almenara, ficando preso nas ferragens, o SAMU foi acionado para socorrer a vítima que acabou morrendo no local. O acidente ocorreu por volta das 12h e entre as vítimas estava uma criança de 9 anos, que passa bem.
Segundo a PM de Jacinto, uma manifestação está sendo organizada pelos moradores da cidade para reivindicar uma sinalização na ponte, local com alto índice de acidentes. A corporação informa ainda que, até o momento, não está prevista a instalação de nenhum tipo de placa na área.
Fonte: Com informações do Portal Terra

Noticias atualizadas em sua pagina na web

Radio de Virgem da Lapa na internet

Ouça a radio Morada Fm acessando o site Morada fm ao vivo