5 de março de 2012

Eleições 2012: 4 municípios do Vale do Jequitinhonha já definiram seus candidatos a prefeito


Araçuaí, Virgem da Lapa,  Berilo e Chapada do Norte já definiram seus candidatos para as próximas eleições
A campanha eleitoral já começou. Vários grupos políticos nos municípios de todo o Vale do Jequitinhonha vêm definindo seus candidatos a prefeito. Podem surgir novas candidaturas devido a insatisfações, racha de grupos, acordos mal amarrados e pressão da sociedade por novas alternativas de gestão local.
A  tendência é de duas candidaturas na maioria dos municípios, não se vislumbrando outro quadro.

No Médio Jequitinhonha, nos municípios de Araçuaí, Berilo, Chapada do Norte e Virgem da Lapa já há definições de candidaturas a prefeito. Dificilmente, haverá alteração nos indicados pelos grupos políticos até o momento.
Veja o quadro em alguns municípios da região:
talk icon1 4 municípios do Vale do Jequitinhonha já definiram seus candidatos a prefeito  Araçuaí  pode ter duelo Aécio x Cacá
Aecio 4 municípios do Vale do Jequitinhonha já definiram seus candidatos a prefeito o prefeito Aécio Jardim é candidato à reeleição, tendo como vice Leonardo, do PMDB. Embora tivessem brigado nas eleições de 2010, um chamando o outro de ladrão, juntou-se de novo, para enfrentar uma candidatura do PT, que havia governado o município por 12 anos.
Aécio se aproveitou de vários convênios com o governo estadual e governo federal – deixados pelo ex-prefeito petista José Antônio  – e realizou várias obras na cidade, principalmente de pavimentação.
O medo da turma de Aécio é a candidatura de Maria do Carmo Ferreira da Silva, a Cacá, que ocupa cargo no governo federal, em Brasília. Alguns confessam que é a única opção da oposição petista de voltar ao poder no município.
 4 municípios do Vale do Jequitinhonha já definiram seus candidatos a prefeito
[foto] Ex-prefeita Cacá, ao lado dos deputados Luiz Henrique Santiago e André Quintão.
ex-prefeita Cacá é o nome mais indicado para concorrer pelo PT.
Porém o Tribunal de Contas do Estado de Minas, rejeitou contas da Cacá, devido a erros técnicos, em um repasse a mais para a Câmara de Vereadores. Assim, ela ficaria inelegível, pela Ficha Limpa.  Os aliados de Aécio tentam macular a imagem de Cacá, falando em desvios de verbas.
Lideranças petistas dizem que ela pode se candidatar, os aliados do Aécio divulgam que não.
O PT teria o médico Armando como plano B.
talk icon1 4 municípios do Vale do Jequitinhonha já definiram seus candidatos a prefeito  Virgem da Lapa: PT faz sucessor, garante prefeito Dim
 4 municípios do Vale do Jequitinhonha já definiram seus candidatos a prefeito Depois de 8 anos no poder, o PT de Virgem da Lapa apresenta Harley, Secretário Municipal, como seu candidato ao Executivo. O prefeito Dim fez várias articulações e tenta convencer Marcinho de Naila, do PSB, que se diz pré-candidato, a acompanhar o grupo. Nas duas eleições, de 2004 e 2008, Dim ganhou em todas as urnas, alcançando mais de 70% dos votos. Ele acredita que o PT continua no poder, em Virgem da Lapa.

[foto] Prefeito Dim Martins, abraçado com o artesão e congadeiro Mestre Bastião, de Minas Novas
A oposição lança o ex-prefeito Diógenes Timo, que foi derrotado em 2008. Ele procura fazer articulações tentando tirar lideranças que apóiam a atual administração. Conseguiu fazer a presidência da Câmara com Lacerda e o apoio de dois vereadores que saíram do PT, Marcinho de Zué e Jênisson. 

 Mas, Lacerda vive a ameaça de cassação do mandato devido à acusaçãode uso indevido do veículo da Câmara.
A Câmara dos Vereadores teve  seu programa na Rádio Morada suspenso também devido ao baixo nível de acusações que ali se dava, principalmente através de Marcinho de Zué, que ataca ferozmente a administração e o grupo político comandados pelo prefeito Dim.
talk icon1 4 municípios do Vale do Jequitinhonha já definiram seus candidatos a prefeito  Berilo: Candidato de Barueri enfrenta filho de ex-prefeito 
 4 municípios do Vale do Jequitinhonha já definiram seus candidatos a prefeito Em Berilo, há dois candidatos definidos para as eleições municipais: Betão, de Barueri, e Higor, filho do ex-prefeito Ioiô.
Depois de 7 anos de governo, o grupo do prefeito Lázaro Neves não conseguiu se articular politicamente,  vivendo brigas políticas e disputas internas, principalmente no segundo mandato. Com isso, grupos de apoiadores e lideranças se sentiram alijadas, bandeando-se para a oposição.
O vereador Zezinho de Jamiro, do DEM, apresentou-se como candidato e fez várias ações como presidente da Câmara, forte influência sobre o prefeito Lázaro e apoio de candidato a deputado federal diferente da opção do grupo. Atropelou companheiros e encostou no prefeito para ser o indicado preferido. Três Secretários – Tintim, Edmilson e Moacir -, procuraram outra alternativa por não concordarem com a candidatura de Zezinho. Ele prometia tirar a concentração de poder que eles detêm. No final do ano, Tintim se afastou da Prefeitura.
[foto] Prefeito Lázaro Pereira Neves (à direita), ao lado do presidente da Câmara Municipal, João Diógenes
Foi apresentada a candidatura do empresário Alberto Eleutério, o Betão, como candidato a prefeito. Betão nasceu em São Paulo e mora em Barueri. Seus pais são de Berilo e sua mulher também. Ele viveu seu período de adolescência na cidade, no início da década de 80.

Sua principal apresentação é o projeto Barueri Bem Berilo, em que a prefeitura paulista distribuiu cestas básicas e brinquedos, em dezembro de 2009 e 2010, além de doar veículos e equipamentos usados para a Prefeitura de Berilo. Barueri também patrocinou um projeto de captação de água de chuva com R$ 300 mil reais. Esta campanha não se repetiu em 2011, como estava previsto. Não houve explicação da suspensão do programado.

O jovem Higor Maciel, 26 anos, é o candidato da oposição. Ele foi candidato a prefeito em 2008, após viver o trauma do assassinato de seu pai,  o ex-prefeito Ioiô, em junho daquele ano. Ele tinha apenas 22 anos. Viveu sua primeira experiência política por estar sempre afastado das atividades do pai, prefeito por duas vezes.  

Foi uma campanha muito emocional com a utilização massiva do nome do pai. Embora tenha sido preso o assassino confesso que disse ter cometido o crime por encomenda do médico Luiz Nogueira, o clima pesou durante todo o período eleitoral, com as suspeitas de crime político.  Higor perdeu as eleições de 2008, por apenas 207 votos, a mais apertada na história de Berilo, com acusação de uso abusivo da máquina pública.
Espera alcançar vitória neste ano, após filiação ao PSDB e articulação de mais 5 partidos. Ele conta com o desgaste da atual administração que vem realizando obras, mas maltratando o povo, segundo várias lideranças do seu grupo.
talk icon1 4 municípios do Vale do Jequitinhonha já definiram seus candidatos a prefeito  Chapada do Norte: Ex-prefeito Manoel Branco enfrenta comerciante indicado por Teco
 4 municípios do Vale do Jequitinhonha já definiram seus candidatos a prefeito
Após duas vitórias fáceis, em 2004 e 2008, e uma administração de muitas obras com diversos convênios com o governo estadual, o prefeito Teco Soares pode ter sérios problemas para eleger, o seu sucessor, o comerciante Ronaldo de Zuza.

[foto] Prefeito Teco Soares, de Chapada do Norte, tem dificuldades na eleição de sucessor
Ele enfrentará o popular Manoel Branco, ex-prefeito de 1997 a 2004.
Teco venceu as duas eleições citadas devido à articulação de Paulinho da Cachoeira que se tornou seu vice e trouxe mais da metade do grupo do Manoel para apoiá-lo, na época.
Paulinho acreditava que seria o candidato natural do novo grupo. Teco o preteriu. Os políticos da cidade, principalmente a família Soares, não querem entregar o comando do município para lideranças dos distritos, como aconteceu com Manoel Branco, de Boa Vista. Além do mais, Teco acredita poder ter mais influência na administração com Ronaldo de Zuza, como prefeito. O que diminuiria seu poder com Paulinho de Rosa, da Cachoeira, que tem autonomia e grande experiência como homem público, como vice-prefeito por duas vezes e vereador por 4 vezes.

Por sua vez, Manoel Branco tem grande aceitação popular e é respeitado como bom administrador – apesar da pouca leitura-, transparente e democrático, utilizando o lema de “não roubar e nem deixa roubar”.
E ainda pior para o candidato de Teco: Manoel Branco espera contar com o apoio de fiéis companheiros como Zé Emetério, vereador no 4º mandato, da região do Granjas; Zé Donério, de Boa Vista; Paulinho de Totô, ex-prefeito; de dois irmãos do Teco; e de lideranças da cidade, do São João, Córrego do Rocha, Água Suja, Santa Rita, Cachoeira, Batieiro, Marzagão e outras comunidades, quase todos apoiadores da atual administração.

Mais um fator de dificuldades para Ronaldo de Zuza. Paulinho da Cachoeira sempre foi grande amigo de Manoel Branco, desde os tempos de corte de cana, na região de  Taquaritinga, em São Paulo. Foi Paulinho o grande articulador político da candidatura e apoiador da administração de  Manoel Branco. Só não se candidatou em 2004 porque Paulinho de Totô, ex-prefeito da cidade, não abriu mão de ser candidato.  Paulinho bandeou-se pro outro lado e deu a vitória à oposição. Ele sabe que terá mais espaços políticos com Manoel do que com Ronaldo.  Seu movimento político define a peleja.
Mas, promete ser uma das disputas mais acirradas da região.
Fonte: Com informações do Blog do banu

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Noticias atualizadas em sua pagina na web

Radio de Virgem da Lapa na internet

Ouça a radio Morada Fm acessando o site Morada fm ao vivo