17 de setembro de 2009

Diamantina ganha estação do conhecimento

O governador Aécio Neves definiu no início do mês de setembro, no Palácio da Liberdade, em reunião com o diretor-superintendente da Fundação Vale do Rio Doce, Silvio Vaz de Almeida, e com a secretária de Desenvolvimento dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri e do Norte de Minas, Elbe Brandão, a implantação de uma Estação do Conhecimento na cidade de Diamantina.

Projeto atenderá a 23 municípios do Alto Jequitinhonha
Desenvolvido em parceria entre o Governo de Minas e a Fundação, o projeto oferecerá cursos profissionalizantes e atividades culturais e físicas a 1.500 jovens, de 7 a 19 anos, de 23 municípios do Alto Jequitinhonha. O investimento previsto é de R$ 10 milhões, custeado pela Fundação Vale do Rio Doce.

"Vamos oferecer desenvolvimento físico para os jovens, com o esporte, através do atletismo, natação, futebol e judô; desenvolvimento emocional, com atividades culturais, como artesanato e música, e desenvolvimento profissional, com qualificação profissional com cursos de pedreiro, carpinteiro, por exemplo", explicou Silvio Vaz.

A Estação do Conhecimento vai atender também à população adulta, com cursos de excelência, além de oferecer espaço para comercialização de produtos da comunidade rural. "A Escola vai até a comunidade e organiza a sua produção. Vamos desenvolver planos de negócios para cada produtor", detalhou. Segundo Silvio Vaz, o espaço deve ser inaugurado até 2011.

A secretaria Elbe Brandão explicou que a qualificação profissional e o atendimento aos jovens do Vale do Jequitinhonha serão fundamentais para o desenvolvimento econômico da região.
"Essa parceria vai possibilitar a formação das pessoas para que o Jequitinhonha possa entrar com maior participação na economia de Minas Gerais", detalhou.

Seleção dos jovens será realizada pela Fundação Vale do Rio Doce
A seleção dos jovens que serão atendidos na Estação do Conhecimento será realizada pela Fundação Vale do Rio Doce. Segundo Silvio Vaz, será uma espécie de vestibular para a escolha daqueles que mais se destacam nas áreas oferecidas. "O critério será a meritocracia. Vamos pegar os talentos, as excelências para que eles se transformem em símbolos de desenvolvimento", afirmou.
Fonte: Assessoria de Imprensa do Governador de MG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Noticias atualizadas em sua pagina na web

Radio de Virgem da Lapa na internet

Ouça a radio Morada Fm acessando o site Morada fm ao vivo