6 de março de 2009

Aécio cobra do governo federal investimento em BRs no Vale do Jequitinhonha e norte Minas

O governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), cobrou hoje(05/03) do governo federal investimentos em trechos rodoviários de BRs que ligam seis municípios no Vale do Jequitinhonha e região norte do Estado. Em solenidade com prefeitos no Palácio da Liberdade, o governador disse que a marca que o governo federal poderá deixar na área viária em Minas é a de "absoluto descaso" para com as regiões mais pobres do Estado. "Não é possível que a marca que o governo federal, na área viária, queira deixar em Minas Gerais seja essa de absoluto descaso para com as nossas regiões mais pobres", afirmou, durante discurso.

O prefeito de Francisco Badaró, José João Oliveira, ressalta a importância da chegada do asfalto para as regiões mais carentes do Estado."O Pro-acesso representa não só para minha cidade mas para o Vale do Jequitinhonha, Mucuri e norte de Minas, acho que é a redenção”.

Aécio assinou a autorização para o início de obras de asfaltamento de estradas de acesso a 12 municípios mineiros, localizados nas regiões norte e vales do Rio Doce, Jequitinhonha e Mucuri - um total de 327 quilômetros de estradas pavimentadas e investimentos da ordem de R$ 230 milhões. As ações fazem parte do Programa Estadual de Pavimentação de Acessos Rodoviários (Proacesso), lançado em 2004 e que até o ano passado recebeu, segundo o Palácio da Liberdade, investimentos de R$ 1,4 bilhão, incluindo recursos do Tesouro do Estado e de operações de crédito externas.

Além de Francisco Badaró, vão ser beneficiadas com o asfaltamento de estradas as cidades de Icaraí de Minas, Santa Helena de Minas, Umburatiba, Berilo, Jenipapo de Minas, Botumirim, Padre Carvalho, Josenópolis, Pingo D´água, Pai Pedro e Ibiracatu. O Proacesso já pavimentou 102 estradas de um total de 225 municípios que ainda contavam com acessos de terra. Em 2009 vão ser investidos mais um milhão e 400 mil reais para conclusão de 32 trechos.
O governador disse que nos próximos meses todas as 219 cidades, cujas estradas são de responsabilidade do Estado, estarão com as obras em andamento e com os recursos necessários à sua conclusão já garantidos.
Fonte: Com Informações da Agência Minas/O Estadão/Morada Fm-Virgem da Lapa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Noticias atualizadas em sua pagina na web

Radio de Virgem da Lapa na internet

Ouça a radio Morada Fm acessando o site Morada fm ao vivo